quinta-feira, 11 de setembro de 2008

A opinião de... Badji

PORTUGAL

Iniciou-se a caminhada do Prof. à frente da selecção das quinas com uma vitória justa para uns fraca para outros, e uma derrota injusta para uns e esperada para outros, mas o que me saltou às minhas “alembraduras” foi de que as mesmas opiniões (que respeitarei sempre) de quem apoia ou critica fá-lo sempre na sua condição de defensor do seu Portugal.

Ora é aqui que entra a frase que me… (ainda não sei se é ofende se é enoja):
“ Para que gritar defende Quim, força Moutinho se na semana a seguir tenho que dizer não defendes nada Quim, não jogas nada Moutinho para que a minha equipe ganhe”?

Será isto de um português?

Talvez não, pensarão vós. Mas foi, e pergunto-me a mim próprio, será que a conquista de Portugal iniciou-se pelo Porto (cidade)? penso que não, ou será que vai acontecer um jogo para o apuramento do Campeonato do Mundo entre as selecções do Porto e da Andorra? Sim porque a este passo caminhamos para uma Ossétia do Sul em pleno Portugal, com a devida comparação e respeito que merece a situação complicada que o povo da Ossétia atravessa neste momento.

Até é saudável que se discorde de um seleccionador ou como outros se chame cobarde por não convocar este ou aquele jogador, agora, colocar em causa se deve ou não apoiar o seu PAÍS? Isso não, e espero muito sinceramente que esta brisa, não passe apenas disso mesmo, porque depois de tudo o que assistimos neste verão, ficarmos sem o único que uniu os portugueses nos últimos anos seriam o fim do nosso futebol, por isso digo-o mais uma vez e todas as que forem necessárias tenho MUITO orgulho em ser de

PORTUGAL

P.S.- Já chega de brigas de fisgas e de se atirarem maçanicas uns aos outros o que se passa entre SLB e FCP não dignifica nem as instituições nem as pessoas, por favor parem.

1 comentário:

scottish disse...

Realmente já chateia esta situação!
É verdadeiramente estupido que não se veja a Selecção das Quinas como a Selecção de TODOS NÓS PORTUGUESES.
Ou então os que emitem comentários descerebrados como os citados, não se podem considerar portugueses!
Na minha terrinha diz-se o seguinte ditado:
"Vozes de burro não chegam ao Céu"!
Creio que é assim que devemos fazer, não ligar pevas a bocas que apenas servem para vender jornais, favorecendo os interesses de uns poucos!
Eu também digo como o Badji, TENHO MUITO ORGULHO DE SER PORTUGUÊS!
O P.S. é oportuno. Duas instituições como o SLB e o FCP deveriam sim preocupar-se em trabalhar para conquistar titulos com o fruto do trabalho dos profissionais que cada um contratou, e não em andarem nesta briga de miudos mimados!
Também digo, por favor parem e joguem à bola, que é o que os adeptos querem.
Abraço do tamanho do mundo para todos os Tribalistas